20140124

Passando o Domingo na "Quai Des Bulles" (27/10/2013)



Fala nerdaiada!

Eeeeeentão! Eu gostaria muito muito muito de dividir com vocês a minha ida a um evento focado somente na força literária dos comics na França denominado "Quai Des Bulles", realizado em Saint Malo, na Bretagne,  cidade e região onde habito. Ele pode ser considerado equivalente a uma "Comic Con", só que menos excêntrica e com o poder de reunir e divulgar os mais diversos matérias e artistas da mídia de quadrinhos existentes na Europa, com direito a palestra, tarde de autógrafos com direito a dedicatória das obras e com desenho feitos na hora pelo artista. Fiquei meio sem palavras pra descrever como esse evento foi para mim, pois eu era apenas um brazuca no meio da multidão, me sentindo quase em uma "Wonderland". hehehe Então tirei muitas fotos e queria dividir a alegria de conhecer tantas pessoas maravilhosas no único dia de evento que deu para eu ir.
"Alors, ALLONS- 
Assim que cheguei no evento me deparei com o desenhista, animador e diretor de animação independente dinamarquês Ingo Milton, que estava la para divulga uma série de terror em quadrinhos de sua autoria. Muito humilde e modesto ficou super envergonhado quando disse que já tinha me deparado com umas obras dele aleatoriamente e que já tinha visto alguma matéria sobre ele em algum site brasileiro especialista em quadrinhos europeus (que agora eu não me lembro qual foi). Muito bom! hehe

Haviam muito material somente para exposição e para venda do quadrinho 'Blacksad", mas o que me deixou triste foi o fato do desenhista da série, Juanjo Guarnido, ter liberado um sketchbook personalizado por ele, com direito a desenho dedicatória feito na hora um dia antes e eu ter perdido. =(
Pelo menos valeu a pena ver o trabalho do cara por todo evento.
Como de costume, muita coisa do Tin Tin...
Fiz uma caricatura insana com um cara mais insano ainda hehehe

O evento estava bem cheio e com muitos artistas trabalhando na hora.

 Conheci o grupo da editora "Mosquito", composto somente neste dia por seus membros franceses e italianos  em pro do evento.

Comprei "como quem não quer nada" a obra "Dick Turpin" do ilustrado L. Vianello, que achei deveras fodastica e simples por sinal, e de quebra descolei um desenho do personagem feito na hora e assinado pelo cara. /o/

Seguindo a ideia do "como quem não quer nada", adquiri o livro de pesquisa e guia sobre os quadrinhos, editoras e artistas europeus mais influentes de todos os tempos "La Merveilleuse Histoire Des Editions" do escritor, desenhista e mochileiro nas horas vagas Laurent Lefeuvre. O cara foi tão legal que apos fazer um desenho meu com dedicatória, ainda me fez ganhar o dia dizendo que eu parecia muito com um personagem dele (ao qual não me lembro o nome e por ser uma anta, não anotei), e que se fizesse um live action me incluiria no projeto. Como disse antes... Ganhei o dia! /o/ ² hehehehe
Perto do fim parei pra conhecer os caras da empresa independente "Jim-Maitre" e seu trabalho difícil de denominar... Hmmm... Então o chamarei de "7 volumes", já que ele fazem praticamente um volume anual e como vocês podem perceber na foto, eles estão no 3°. A ideia é simples e futurística: O ser humano esta começando a descobrir os mistérios sobre sua própria raça através da expansão territorial pelo cosmos, com direito a colonização de luas, mineração de asteróides e todos os clichês que já conhecemos. O protagonista é um aventureiro que acaba esbarrando em uma trama de poder e manipulação muito maior que suas capacidades e por ai vai... "blablabla, etc e talz". O legal deste projeto é que ele é todo baseado em todos os desenhos e estorias sobre "N" tipos de contos sci fi dentro desta temática. De "Gundam Mobile Suit" a "Os 9 Amanhas" de Asimov. Logo peguei para ler já que achei muito interessante o projeto todo em si e mais ainda por ser uma empresa praticamente "indie" em um evento onde tinham muitos "monstros", por assim dizer.


Pra terminar, me sai de trás de um stand escondido este ilustrador fazendo cosplay de sua Propriá obra com uma gaita de fole maior que ele e fazendo canções de despedida para todos os que passavam e o admiravam.


*NOTA:
 Bem, para terminar o dia de forma sublime acabei "batendo de frente" com esta cerva maravilhosa chamada "Chat - Malo", que é encontrada por essas bandas, e finalizei evento com o seguinte pensamento: "Putz véio, até a arte do rotulo é foda!" huahuahuahuahua =D

Nenhum comentário:

Postar um comentário